domingo, 30 de novembro de 2014

Amigos amados desse blogger!

Começo daqui pra frente minhas postagens onde o intuito,
é interagir com vocês sobre o assunto mais delicioso de que
se têm noticia: Sexo!
Aqui vou  dissertar sobre vários temas dentro do contexto. Falarei
sobre tudo que sei do assunto, farei brincadeiras sobre o mesmo e
procurarei ser objetiva e simples para que possamos juntos esclarecer
nossas dúvidas e viajar nesse universo que atrai tanto homens quanto
mulheres de todas as etnias... Amor, Sexo... Prazer...E vida!

AÍ VAMOS NÓS... SEM CRISE!




OS FIOS DOS CIOS


Eu ardo nessa voz
que a tua boca traz
pra mim de longe
Como reza de um
monge pecador...
Eu vibro no toque 
dos teus dedos
imaginados cansados
de me tocar e se tocar...
Eu solto doces gemidos
sentidos e falados...
Eu choro numa emoção
De gozo e de tesão...
Eu vibro ao te lamber
o queixo a boca o sexo...
Eu te seduzo numa
inocência sem coerência
Tão mergulhada em ti
na sensualidade...
Que me transmites nesta
voz rouca...
Eu tenho o abril que 
você quer...
Me toca...sente...eu
tão mulher!...

Dorothy de Castro 

LUXÚRIA



LUXÚRIA



Quero encher-te a boca com desejos
De afoitos beijos,de carícias loucas
Quero te dar o tato dos meus dedos
Sem medo de exaurir o nosso amor....

Quero colar meu ventre no teu ventre
E que me entre essa porção de vida
Na emoção sentida em minha flor
E a nossa dor em gozo se concentre...

Eu sem recato louca rapariga
Possa travar a briga com luxúria
Na  fúria enlouquecida dos meus beijos
Quero encher-te a boca com desejos!

Dorothy de Castro

DIÁLOGO UM TANTO QUANTO...


-O teu poema é uma aberração
-Não sei porque, faço de coração
--Mas gostas muito de falar de sexo
-Isso é normal, e sabes que tem nexo
-Porque não falas de uma coisa e tal?
-Que tal é essa coisa, como assim?
-Ah, sei lá de amor esclarecido
-Amor bandido você quer dizer?
-Não...amor ternura de gente madura...
-Mas é o amor que escrevo, leia...
-E por acaso tens esse amor na veia?
-Claro que sim, tenho esse amor em mim,
Meu corpo é chama inteiro de prazer
por isso escrevo, sempre, até morrer!!!

Dorothy de Castro 
-

POEMA ERÓTICO, NUM DIA EM QUE A SENSUALIDADE ANDA À SOLTA!

N Ó S

Deite-se aqui...
Aqui perto de mim...
Se entregue, eu quero tudo...
Seu corpo, rígido e desnudo...
Se vire de costas...eu vou fazer em ti,
O que mais gostas...vou te lamber...
Imaginando uma penetração...
Mais funda...a tua boca bem louca,
O teu tesão...inebriado, safado...
Quero te dar prazer...
Quero morder, a tua bunda...
Eu no comando, te amando...
O teu desejo, eu imagino...
É o meu desejo...
E o nosso beijo... na minha gruta,
e no teu falo...
Como um menino...como um cavalo...
Meu homem santo...te amo tanto,
Que nem me lembro...só sei que quero,
Fim de dezembro, espero...
Teu doce membro!!!
Dorothy de Castro



"... Talvez eu seja um pouco louca sim... Talvez em mim haja plantado Deus,
a margarida ou outra flor qualquer... Para que eu possa ser despetalada, em minhas
curvas pelos dedos teus...Teu bem me quer, ou mal me quer... Mulher!" 


Dorothy de Castro


FECHANDOOOOOOO!

Ser adolescente não é  nada fácil não é mesmo? são tantas as cobranças que à vezes você se sente injustiçada diante delas. E pensa:-será que sou tão errada?  será que é só comigo que acontece? será que é
tudo pecado? será ? será ?...
Pois é; na verdade é nessa idade que você começa a sentir o peso da responsabilidade. E que fazer, que atitude tomar diante dos apelos(que são tantos) que passsam à fazer parte do seu dia à dia. O mundo globa
lizado, informatizado, moderno e democrático se apresenta à você como um sonho sem impossíbilidades e
nele tudo pode, tudo é lindo, tudo é permitido...
De repente você acorda em uma outra realidade e vê que não é bem assim. Vê que a sua dimensão tem limites e que é preciso ponderar para não morrer na praia!
Você nessa altura do campeonato, me diria:- Que loucura! o espelho me mostra uma mulher bonita, completinha, seios formados, bumbum perfeito, curvas se insinuando, enfim uma jovem liberada para a vida
para o amor, e porque não? para o sexo!
Mas é ai que o bicho pega. É gatinha, fisicamente você está preparada, anatômicamente sem defeitos mas...
e a cabecinha? Pare e pense um pouquinho; para se fazer um bolo além de uma forma é preciso  se ter todos os ingredientes... Quadradismos à parte vale um conselho, porque nem tudo que é vendido é bom:
Abra os olhos menina! mas por favor por enquanto... feche as pernas !!!

Daqui pra frente...Dorothy

FAÇO DOS MEUS SEUS DEDOS, NUMA FANTASIA ALUCINANTE




Masturbação feminina já foi tabu.Houve um tempo em que a mulher era proibida de sentir prazer. Não ousava nem mesmo se olhar no espelho. Se tocar então, nem pensar. Possuida pelo marido no casamento, ficava quieta e no escuro do quarto muitas vezes chorava...Chorava de dor, de vergonha, de raiva, de impotência, chorava de tudo menos de prazer. Mas lá se vão muitos janeiros dessse tempo absurdo. Hoje, a mulher é liberada sexualmente. \Pode transar com quem quizer, com quem gostar. Manifesta seu orgasmo das mais diversas formas . Algumas riem,choram, falam palavrões, gritam enfim fazem tudo. O importante é gozar! Bem, com um companheiro é fácil, mas e sózinha? Depende de você... do que você quer... A masturbação de repente
pode ser tão prazeroza quanto uma transa. Basta que a mulher se solte por inteiro, que ela percorra com as mãos seu corpo todo. Que use a imaginação, que saiba fantasiar o momento. Que aprenda a descobrir todos os segredos do seu corpo e suas reentrâncias.  Depois é só começar. Se tocando com delicadeza nos seiois, na barriga,nos meios das coxas... E por fim chegando ao clitóris, o ponto alto da excitação feminina. Nessa região as caricias devem começar lentamente e nesse delirio, ela imagina a presença de seu homem (apesar de não ser nescessário ser seu esse homem). Pode ser o marido da amiga, um ator de cinema ou tv, ou até mesmo o padre
lá da igreja,já pensou? Quem sabe aquele guarda  de trânsito gostosão, que te aplicou uma bela multa, por que não? Talvez até o lutador de boxe, com aquele físico todo. Ah! sei lá... vale tudo, vale qualquer coisa. O importante é o seu prazer, o seu orgasmo. E não se pode esquecer aqueles brinquedinhos maravilhosos, chamados vibradores, que substituem tão bem o penis verdadeiro! E não se envergonhem de dizer: eu me masturbo,
porque eu me amo e sou mulher !!!

Daqui pra frente........Dorothy